Websites Que Devem Ser Desenvolvidos com Drupal

types of websites you should build with drupal

Websites Que Devem Ser Desenvolvidos com Drupal

Quando pensa em lançar um novo website ou em reformular o site atual, informação dispersa e pouco clara pode dificultar bastante a escolha da tecnologia a utilizar. 
 

Qual é a linguagem de programação (PHP, Python, Java, ASP.NET, etc.) mais acertada? Qual é o sistema de gestão de conteúdo (Wordpress, Joomla, Drupal, etc.) mais adequado às suas necessidades, ao seu negócio e ao seu orçamento?


Em vez de fazer uma comparação exaustiva entre as várias soluções disponíveis, vamos guiá-lo pelos tipos de websites onde o Drupal será a melhor escolha, e desta forma, ajudá-lo a filtrar as alternativas.

 

O canivete suiço dos CMS


O Drupal é um sistema de gestão de conteúdos (CMS) open source que dispõe de recursos que vão muito além da simples gestão de conteúdo.


É verdade que o Drupal é menos conhecido e menos popular do que por exemplo o Wordpress, muito provavelmente por ser uma ferramenta que requer conhecimentos tecnológicos mais avançados.  Em termos do número de sites criados, o Wordpress continua a ser o líder indiscutível.


No entanto, o Drupal permite criar e fazer coisas que para a maioria dos CMS não são possíveis.


Poderá criar praticamente qualquer tipo de website ou sistema que quiser: sites corporativos, sites de intranet, fóruns, lojas online, redes sociais, sistemas de helpdesk, etc. O Drupal é provavelmente o CMS open source mais flexível do mercado.


Apesar das possibilidades infinitas, tal não significa que o Drupal é a solução ideal para qualquer tipo de website. Aliás, para quê usar um canivete suiço, se uma faca comum é suficiente para executar a tarefa? Tudo se resume a como pretende utilizar o Drupal.


O Drupal tem sido principalmente utilizado para criar websites mais avançados, tornando-se o líder neste segmento do mercado pela sua flexibilidade, escalabilidade e facilidade de integração com outros sistemas.

 




 

Listamos aqui alguns exemplos de sistemas e websites que devem ser desenvolvidos com Drupal:


ECOMMERCE/RETALHO/SERVIÇOS
Websites de médias ou grandes empresas de produção ou serviços, que oferecem centenas ou milhares de produtos, através de uma loja online e espaços físicos, em várias línguas.

 

NOTÍCIAS/PUBLICAÇÕES
Websites de notícias e publicações de informação que precisam de um controlo específico sobre o processo de publicação e revisão e o modo de disposição e exibição do conteúdo.

 

ESCOLAS/UNIVERSIDADES
Um website de uma escola ou de uma universidade que tem de gerir uma grande quantidade de conteúdo online, recursos, serviços e permissões.

 

SERVIÇOS WEB & APLICAÇÕES
Aplicações web para gerir processos internos (CRM, KPI dashboard, Intranet, etc.).

 

API
Um sistema que alimenta conteúdo para outros sistemas – uma API com conteúdo para outros websites e aplicações móveis. Quando existe a necessidade de gerir diferentes tipos de dados e fornecê-los de forma rápida a outros sistemas externos.

 

VIAGENS
Websites de agentes de viagem online, guias de viagem online e ferramentas para gerir reservas, pagamentos online e produtos/pacotes de viagem mais complexos.

 

SERVIÇOS FINANCEIROS/BANCA
Sites que fornecem serviços financeiros e/ou informações onde a segurança é a principal preocupação, combinada com um backend amplamente personalizado.


 

EMPREGO
Sites de procura/oferta de emprego, serviços de recrutamento que exigem um conjunto robusto de recursos para filtrar e pesquisar, através de uma variedade de critérios.



Ou seja, o Drupal é a solução ideal quando precisa de:
 

  • um website escalável para conseguir aumentar a quantidade de conteúdo
     
  • um workflow editorial sofisticado
     
  • muitos tipos de conteúdo - artigos, eventos, landing pages, ficheiros, imagens, etc.
     
  • um sistema robusto de gestão de utilizadores e permissões
     
  • e-commerce com gestão de conteúdo
     
  • um website multilíngue
     
  • gerir um website de elevado tráfego


 

Porquê escolher o Drupal?

Obviamente, o Drupal não é a única solução possível para concretizar alguns dos exemplos da nossa lista. No entanto, é a melhor solução se levar em consideração:


1. QUEM utiliza Drupal.

Alguns utilizadores de Drupal são:
 

The Economist

Tesla

Grammy

Pfizer

Pinterest

NBA

Oxford University

 

Poderá encontrar mais exemplos aqui.


 

2. É Open Source.

Em PT, código livre ou seja: sem qualquer custo de licenciamento. O Drupal core já inclui vários módulos e funcionalidades prontos a utilizar, entre os quais:

 

  • views e campos – estruturas flexíveis de dados e visualização
     
  • sistema compatível com dispositivos móveis, imagens responsivas
     
  • categorização extensiva do conteúdo
     
  • gestão extensiva de utilizadores, funções e permissões
     
  • suporte para vários idiomas
     
  • multisite: a capacidade de criar várias cópias de um único site numa única instalação, por exemplo para um determinado país, ou versões diferentes do site para cada produto ou serviço
     
  • gestão de media (imagens, vídeos)
     
  • gestão de conteúdo conveniente (editor WYSIWYG, moderação de conteúdo, quick edit)
     
  • migrate API: um mecanismo que permite a exportação de conteúdo e dados para o Drupa

 

Também tem acesso a milhares de módulos adicionais, de forma gratuita, disponíveis em www.drupal.org.


 

3. É um investimento sustentável.

Irá investir tempo e dinheiro no seu website. Este tipo de investimento nunca deve ser tratado como um "negócio fechado".

A comunidade de Drupal está fortemente empenhada em melhorar o código base do core e em lançar novas versões de 6 em 6 meses. Mais de 100,000 utilizadores desenvolvem ativamente o Drupal core e os seus módulos.

Cada versão introduz novas correções de bugs, bem como novas funcionalidades e módulos disponíveis no Drupal core.

Ao escolher o Drupal, está garantir que o seu investimento será sustentável e extensível.


 

4. É conhecido pela sua segurança excelente.

O Drupal tem a sua própria equipa especial de segurança que verifica constantemente a existência de possíveis falhas de segurança e rapidamente publica as respectivas correções e atualizações.


Qualquer site desenvolvido em Drupal, verifica automaticamente se as versões mais recentes do core e dos módulos estão instalados. Quando existem novas versões ou atualizações de segurança, o Drupal é célere em avisar os administradores dos sites e a comunidade, em geral.


Se ainda duvidar do nível de segurança do Drupal, basta olhar para a quantidade de instituições governamentais e financeiras que continuam a preferir o Drupal para desenvolver os seus websites e sistemas.


 

5. Serviços web & excelentes oportunidades de integração com terceiros 

O Drupal é ótimo para criar APIs e comunicar com outros sistemas. A nova solução em Drupal pode ajustar-se facilmente aos seus sistemas existentes.


Gateways de pagamento, CRMs, sistemas de gestão de stocks, smart watches e quaisquer outras apps poderão ser integrados com o seu website em Drupal.


O Drupal também poderá ser usado como um backend para os chamados sistemas headless – isto é, o Drupal trata de alimentar o site com todos os dados e conteúdos, mas estes dados e conteúdos serão exibidos por outros sistemas.


 

Concluindo

Escolha o Drupal para fazer o que faz melhor, de forma a tirar o máximo proveito para o seu negócio. Nas mãos certas, é possível criar soluções únicas e eficazes com Drupal.


Milhares de agências de Drupal em todo o mundo, incluindo a Omibee, trabalham arduamente para adaptá-lo às necessidades e à visão dos seus clientes.


Quando estiver pronto para escolher o Drupal, fale conosco para podermos ajudá-lo a tomar a melhor decisão para o seu projeto.