4 Dicas Para Fazer Um Site Aparecer No Google

get your website found on google

4 Dicas Para Fazer Um Site Aparecer No Google

Acabaram de publicar o vosso novo site. É bonito, inovador, bem estruturado, enfim, tudo aquilo que tinham imaginado. Sentem-se orgulhosos do produto final e estão confiantes que irá contribuir para impulsionar o vosso negócio. No entanto, deparam-se com um pormenor problemático: não conseguem encontrar o vosso site no Google.

Por mais vezes que repitam a pesquisa, o resultado é sempre o mesmo e começam a ficar seriamente preocupados: tanto tempo, dinheiro e esforço investidos num site que ninguém consegue encontrar?! Porquêeeeee?

 

Site nao aparece no google


Calma, não é motivo para entrar em desespero. Neste artigo, vou partilhar 4 dicas para tornar o vosso site visível no Google e melhorar o posicionamento nos resultados de pesquisa.

 

1. Preencher O Site Com Conteúdo Relevante E Útil

O vosso site tem bom conteúdo? O conteúdo é relevante para as pessoas que poderão vir a comprar os vossos produtos ou contratar os vossos serviços? Um design bonito e de fácil utilização é, sem dúvida, um factor importante, mas deixa de ter valor se o site não tiver informação relevante para o utilizador.  

O Google gosta de conteúdo que seja único e de boa qualidade e que por esse motivo é partilhado pelas pessoas que o encontram nas suas pesquisas. Para que o conteúdo do vosso site se destaque de milhões de outras páginas e sites, TEM de ser único e envolvente. Na realidade, é uma questão de lógica: quanto mais pessoas partilharem o vosso artigo, vídeo ou ebook, mais elevado será o ranking (isto é, posicionamento) atribuído pelo Google ao vosso site.

A qualidade do conteúdo também influencia a capacidade do vosso site para conseguir backlinks de sites confiáveis e de autoridade, isto é conseguir que sites no topo do ranking mencionem o vosso site ou incluam links para o vosso site. À medida que conseguem mais backlinks, o Google reconhece a vossa autoridade nesse domínio e aumenta o vosso posicionamento nos resultados de pesquisa.

Se não derem a devida atenção à qualidade e relevância do vosso conteúdo, o Google também não dará a devida atenção ao vosso site.
 

Google gosta de bom conteudo


 

2. Tornar O Site Compatível com Mecanismos De Busca

Por outras palavras, usar em cada página palavras-chave relevantes, descrições, títulos e metadados, relacionados com o conteúdo. Se não estiverem relacionados com o conteúdo, o site pode ser considerado como spam, prejudicando o ranking no Google.

Cada página deverá ter:

Podem utilizar ferramentas online para pesquisar as palavras-chave mais procuradas na vossa área de negócio e inseri-las nos títulos das páginas, metadados, URLs e conteúdo em geral, para que o vosso site possa ser encontrado por pessoas que usaram essas palavras na sua pesquisa.

Para além disso, atualizem o vosso site pelo menos uma vez por mês com novo conteúdo. Porquê? O Google gosta de conteúdo novo e atualizado e melhora o ranking desse conteúdo como recompensa. Criar um blog no site da empresa poderá ser uma ótima solução para fornecer novo conteúdo todos os meses.
 

Criar blog no website


3. Adicionar o Site No Webmaster Tools

Mesmo que o vosso site já exista na world wide web, tal não significa que irá automaticamente aparecer nos resultados de pesquisa. O site e respectivo conteúdo têm primeiro de ser indexados pelo Google.

A ferramenta gratuita Google Search Console (também conhecida como Webmaster Tools) permite submeter o vosso sitemap e o URL, para indicar ao Google que o site existe. Desta forma, o vosso site já poderá aparecer em resultados de pesquisa, para além da ferramenta permitir identificar que tipo de pesquisas estão a gerar mais tráfego, backlinks importantes ou erros de crawl (links quebrados, páginas que não podem ser acedidas, problemas de servidor).

Apesar de estarmos a falar especificamente sobre o Google, é boa ideia registar também o vosso site no Bing Webmaster Tools, enquanto segunda fonte de tráfego orgânico, para além de ser uma ferramenta adicional que irá permitir otimizar o site e aumentar o tráfego.

E assim, o vosso site já existe para o Google (e para o Bing).
 

Indexar o site


4. Criar Um Perfil Google My Business/Uma Página Google+

Se ainda não o fizeram, registem a vossa empresa no Google My Business, para que apareça em resultados de pesquisa locais e no google maps. Se alguém pesquisar por um serviço ou produto da vossa área e na vossa localização geográfica, poderá encontrar a vossa empresa e informação relacionada: morada, contactos, horários e o link para o site da empresa.

Ao fazer o registo no Google My Business, também será criada uma página para a empresa no Google+. Já sei, provavelmente vão dizer “por favor, já temos páginas suficientes nas mais variadas redes sociais”. Na verdade, esta rede social é das mais importantes se quiserem melhorar o vosso ranking no Google (afinal, é a rede social DO GOOGLE).

Sempre que partilharem um artigo do vosso blog no Google+ e um utilizador gostar (+1) desse artigo, é instantaneamente criada uma página indexada no Google+, com um link para esse conteúdo. Ou seja, é SEO automático para o vosso site.  

Por isso, não percam mais tempo e invistam no Google+.
 

Criar um perfil Google+

 

Estas dicas são um ponto de partida para que o vosso site possa ser encontrado numa das 3.5 mil milhões de pesquisas diárias no Google. Mas não devem parar por aqui!

Otimizar o vosso site para motores de pesquisa exige um esforço contínuo. Criem uma conta no Google Analytics e utilizem a informação para otimizar o vosso site e descobrir o que não está a funcionar e a prejudicar o vosso ranking.

Existem dicas e soluções mais avançadas para melhorar o ranking do vosso site, mas não o façam sem antes aplicar as regras mais básicas e essenciais!